Fatos básicos do Reino Unido - História

Fatos básicos do Reino Unido - História


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

População 2009 ................................................ ..61.113.205
PIB per capita 2008 (Paridade do poder de compra, US $) ........... 36.600
PIB 2008 (Paridade do poder de compra, US $ bilhões) ................ 2.231
Desemprego................................................. .................... 5,5%

Crescimento médio anual 1991-97
População (%) ....... .3
Força de trabalho (%) ....... .3

Área total................................................ ................... 94.247 sq. Mi.
População urbana (% da população total) ............................... 89
Expectativa de vida ao nascer (anos) ........................................... .......... 77
Mortalidade infantil (por 1.000 nascidos vivos) ........................................ 6
Acesso a água potável (% da população) .................................... 100
Analfabetismo (% da população com 15 anos ou mais) ......................................... .... 1


George III

O monarca que governou por mais tempo a Inglaterra antes da Rainha Vitória, o Rei George III (1738-1820) ascendeu ao trono britânico em 1760. Durante seu reinado de 59 anos, ele conquistou a vitória britânica na Guerra dos Sete Anos e # x2019, liderou a Inglaterra e # x2019s resistência bem-sucedida à França revolucionária e napoleônica e presidiu a perda da Revolução Americana. Depois de sofrer ataques intermitentes de doença mental aguda, ele passou sua última década em uma névoa de insanidade e cegueira.


Fatos sobre a Inglaterra para crianças

1. O que é a Inglaterra - Descrição da Inglaterra

  • A Inglaterra é um dos quatro países que fazem parte do Reino Unido.
  • Ele está localizado nas Ilhas Britânicas, na fronteira com o País de Gales e a Escócia.
  • Sua capital é Londres, enquanto Manchester, Birmingham, Bristol e Liverpool são as outras grandes cidades.
  • A Inglaterra, juntamente com o País de Gales, a Escócia e a Irlanda do Norte, formam o Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte (brevemente descrito como Reino Unido ou Reino Unido).

2. A Inglaterra é um país ou estado?

  • A Inglaterra é um país.
  • No entanto, não é um país independente e é parte ou nação de origem do estado soberano do Reino Unido (UK).

3. Por que a Inglaterra é chamada Inglaterra - Origem do nome da Inglaterra

  • A origem do nome Inglaterra é o antigo nome inglês “ Inglaterra ”Significando“ terra dos ângulos ”.
  • Os anjos eram o povo de uma das principais tribos germânicas que se estabeleceram na região (Grã-Bretanha) durante o início do período medieval ou início da Idade Média.

4. Nome oficial da Inglaterra

  • O nome oficial e completo do estado, incluindo os países de origem Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte é oReino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte .

5. Where Is England - England Location

6. A Inglaterra é em qual país

  • A Inglaterra faz parte do país ou estado soberano Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte.

7. Quando a Inglaterra se tornou um país

8. Quantos anos tem a Inglaterra como país

9. Reino Unido Vs Inglaterra

10. Fatos sobre a bandeira da Inglaterra

  • A bandeira da Inglaterra tem uma cruz vermelha sobre fundo branco.
  • A cruz na bandeira é derivada da Cruz de São Jorge (ou Cruz de São Jorge).
  • Esta cruz está ligada a São Jorge na heráldica do final da Idade Média.
  • São Jorge foi um santo militar que muitas vezes é retratado como um cruzado.
  • A cruz vermelha na bandeira da Inglaterra também é um componente da Union Jack ou Union Flag (bandeira nacional do Reino Unido).

11. História da Inglaterra para crianças - Fatos da história da Inglaterra

  • Na Inglaterra, os humanos vivem há mais de 800.000 anos, o que é revelado pela descoberta de pegadas e ferramentas de pedra em Happisburgh.
  • A continuação da habitação humana data de cerca de 13.000 anos no final do último período glacial (LGP) (115.000 a 11.700 anos atrás).
  • Na Inglaterra, existem inúmeras relíquias arqueológicas que pertencem aos povos do Mesolítico, Neolítico e da Idade do Bronze, como Avebury e Stonehenge.
  • Durante a Idade do Ferro, os celtas eram os habitantes da Inglaterra conhecidos como bretões.
  • Em 43 DC, o processo gradual da conquista romana da Grã-Bretanha começou sob o governo do imperador Cláudio.
  • Até 410 DC, os romanos governaram sua província da Britânia, que incluía toda a Inglaterra e Gales.
  • No final do domínio romano na Grã-Bretanha, o processo de colonização anglo-saxônica da Grã-Bretanha começou, mudando a cultura e a língua das pessoas de romano-britânica para germânica.
  • Vários reinos foram estabelecidos pelos anglo-saxões e a língua inglesa antiga foi introduzida, substituindo em muito a língua britânica anterior.
  • Os anglo-saxões travaram guerras entre si e com os estados sucessores britânicos na Cornualha, no País de Gales e no Velho Norte.
  • Depois de 800 DC, os ataques recorrentes de vikings levaram ao assentamento de nórdicos em grandes partes da região que hoje é a Inglaterra.
  • Durante esse período, alguns dos governantes tentaram unir muitos reinos dos anglo-saxões contra os vikings.
  • Devido a esses esforços, o Reino da Inglaterra surgiu no século 10.
  • Em 1066, os normandos conquistaram a Inglaterra sob a liderança do duque Guilherme II da Normandia (também conhecido como Guilherme, o Conquistador), que governou a Inglaterra de 1066 a 1087.
  • De 1135 a 1154 foi um período de crises de sucessão na região que ficou conhecida como Anarquia.
  • Após o período da Anarquia, a Inglaterra ficou sob o controle da Casa de Plantageneta.
  • De 1337 a 1453, uma série de batalhas travadas entre a Casa de Plantageneta da Inglaterra e a Casa de Valois da França, que é conhecida como a Guerra dos Cem Anos.
  • Depois de Guerra dos Cem Anos A Inglaterra envolveu-se em seus próprios conflitos pelo controle do trono, que são conhecidos como Guerras das Rosas.
  • A Casa de Plantageneta foi dividida em dois ramos rivais, a Casa de Lancaster e a Casa de York.
  • A Guerra das Rosas terminou em 1485 com o estabelecimento da dinastia Tudor pelo Henry Tudor da Casa de Lancaster.
  • A Casa dos Tudors foi posteriormente sucedida pela Casa dos Stuart, que fez da Inglaterra uma potência colonial.
  • Durante o período da dinastia Stuart, uma série de conflitos armados entre os realistas e os parlamentares ocorreram de 1642 a 1651, que é conhecida como a Guerra Civil Inglesa.
  • Como resultado da guerra, o rei Carlos I foi executado e uma série de governos republicanos foram estabelecidos.
  • O primeiro governo é conhecido como Comunidade da Inglaterra foi uma república parlamentar de 1649 a 1653.
  • Esse governo foi então substituído pelo Protetorado de 1653 a 1659, que foi uma ditadura militar sob a liderança de Oliver Cromwell.
  • Em 1660, os Stuarts voltaram ao trono restabelecido, no entanto, é outro rei Jaime II que foi deposto na Revolução de 1688 (também conhecida como Revolução Gloriosa).
  • Em 1707, a Inglaterra (que também compreendia o País de Gales) se uniu à Escócia e formou um único estado soberano conhecido como “Grã-Bretanha”.
  • Após a Revolução Industrial, a Grã-Bretanha governou como o maior império colonial da história registrada.
  • No entanto, devido à Primeira e Segunda Guerra Mundial, a Grã-Bretanha enfraqueceu e quase todas as colônias ultramarinas do Império tornaram-se independentes e tornaram-se países soberanos.

12. Fatos interessantes sobre a história da Inglaterra

  • No século 16, o tex foi introduzido nas barbas dos homens pelo rei Henrique VIII.
  • Depois de 1944, nenhuma mulher inglesa foi condenada de acordo com a Lei da Bruxaria de 1735.
  • Durante os primeiros anos do século 19, o governo britânico gastou 40% de suas despesas com a liberdade de escravos.
  • As salsichas também eram conhecidas como “sacos misteriosos” durante o século XIX.

13. Características geográficas da Inglaterra - Fatos geográficos da Inglaterra

  • A Inglaterra cobre cerca de 65% da ilha da Grã-Bretanha e também inclui as Ilhas da Sicília e a Ilha de Wight.
  • A oeste, a Inglaterra faz fronteira com o País de Gales e a norte com a Escócia.
  • Há também uma extensa costa na Inglaterra ao longo do Mar do Norte, Mar da Irlanda e Mar Céltico, Canal de Bristol e áreas do Canal da Mancha do Oceano Atlântico.
  • O comprimento total da costa é de 3.246 km (2.016 milhas).
  • O centro geográfico da Inglaterra fica a cerca de 32 milhas (51 km) a sudeste de Birmingham.
  • A montanha Scafell Pike situada no Lake District é o ponto mais alto, que está 3.208 pés (978 metros) acima do nível do mar.
  • O ponto mais baixo está localizado na região pantanosa chamada The Fens, que fica -13 pés (-4 metros) abaixo do nível do mar.
  • Basicamente, a Inglaterra pode ser dividida em duas zonas geográficas:
    • The Highland Zone: que é caracterizada por colinas rochosas e montanhas erodidas que também possuem planícies e vales. O clima desta zona é mais frio devido a mais chuva e menos luz solar. Esta zona inclui as montanhas Cumbrian, as montanhas Pennine e as montanhas Lake District. Os condados de Cornwall e Devon estão situados na zona das terras altas.
    • The Lowland Zone incluem Chiltern Hills, Cotswold Hills, North Downs e South Downs. Esta zona tem terras férteis devido a mais sol e relativamente menos chuva em comparação com a Zona das Terras Altas. Devido ao clima e paisagem ideais, esta zona é o habitat da maioria dos cidadãos ingleses.

    14. Área Terrestre da Inglaterra - Tamanho da Inglaterra

    Milhas Quadradas da Inglaterra

    Quanto tempo é a Inglaterra

    • O comprimento da Inglaterra de Portsmouth, no sul, até o rio Tweed, ao longo da fronteira com a Escócia, no norte, é de 558 km (346 milhas).

    15. Países Vizinhos da Inglaterra

    • A oeste, a Inglaterra faz fronteira com o País de Gales e a norte com a Escócia.
    • Em toda a Grã-Bretanha continental, a Inglaterra está mais próxima da Europa continental.
    • O Canal da Mancha o separa da França por uma lacuna marítima de apenas 33 km (12 milhas).

    16. Mapa da Inglaterra para crianças

    17. Clima na Inglaterra

    • O clima geral na Inglaterra é do tipo temperado marítimo.
    • Nesse tipo de clima, a temperatura permanece amena.
    • No verão, a temperatura não sobe mais do que 32⁰C e no inverno, não cai mais do que 0⁰C.

    18. Demografia da Inglaterra

    • De acordo com o censo de 2011, a população da Inglaterra era de 53.012.456, o que representa cerca de 84% de toda a população do Reino Unido.
    • A partir do censo de 2011, a porcentagem racial da população era:
      • Branco 85,4%
      • 7,8% asiáticos
      • Preto 3,5%
      • Misto 2,3%
      • 0,45% chinês
      • Outros 0,44%
      • Cristão 59,4%
      • Pessoas sem religião 24,7%
      • Pessoas que não declararam sua religião 7,2%
      • 5% muçulmano
      • Hindu 1,5%
      • Sikh 0,8%
      • Judeus 0,5%
      • Budistas 0,5%
      • Outros 0,4%

      19. Habitantes da Inglaterra

      • Há mais de 55 milhões de habitantes na Inglaterra, a maioria dos quais vive em torno de Londres, Sudeste, Midland, Noroeste, Nordeste e Yorkshire.
      • Ao lado dos britânicos, os habitantes da Inglaterra pertencem a vários outros grupos étnicos e raciais e falavam muitas línguas.
      • Depois do inglês, o polonês é a segunda maior língua falada pelos habitantes da Inglaterra.

      20. Qual é a população da Inglaterra - quantas pessoas vivem na Inglaterra

      • A população da Inglaterra era de 53.012.456 de acordo com o censo de 2011.
      • Em 2017, foi estimado em 55.619.400.

      Densidade populacional da Inglaterra

      21. Quantas línguas são faladas na Inglaterra

      22. Condados da Inglaterra

      • Existem 48 condados geográficos cerimoniais (também chamados de áreas de tenência) na Inglaterra.
      • No entanto, os condados administrativos são 50 e cada um tem um conselho distrital.
      • Os condados cerimoniais são os seguintes:

      23. Economia da Inglaterra

      • A economia da Inglaterra é a maior de todos os quatro países do Reino Unido.
      • A economia da Inglaterra também é uma das maiores economias do mundo.
      • Até o século 18, a agricultura era o principal pilar da economia da Inglaterra.
      • No entanto, após a revolução industrial, tornou-se um país altamente industrializado.
      • A Inglaterra é um importante país produtor de produtos químicos, têxteis, automóveis, locomotivas, motores e aeronaves.
      • Desde as últimas três décadas, o setor de serviços financeiros tem uma proporção significativa na economia da Inglaterra.
      • A cidade de Londres é um dos maiores centros financeiros do mundo, onde bancos, seguradoras, bolsas de valores e commodities estão intensamente concentrados.
      • A moeda oficial da Inglaterra é a libra esterlina (£).
      • O Banco da Inglaterra está situado em Londres, que é o banco central do Reino Unido.
      • O PIB médio per capita da Inglaterra é £ 22.907.
      • O valor agregado bruto total (VAB) da Inglaterra é de £ 1,5 trilhões na estimativa de 2016.

      24. Governo da Inglaterra

      • Desde 1707, quando o Reino da Inglaterra se uniu ao Reino da Escócia e formou o Reino da Grã-Bretanha, não houve nenhum governo da Inglaterra.
      • Em 1801, o Reino da Irlanda também se fundiu com o Reino da Grã-Bretanha e formou o Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda, que se tornou o Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte quando a maior parte da ilha da Irlanda obteve independência em 1922.
      • Depois disso, no Reino Unido, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte delegaram assembleias, parlamentos e governos.
      • No entanto, a Inglaterra permaneceu sob a autoridade total do governo do Reino Unido e não teve nenhuma administração delegada.
      • Devido a esta situação, uma questão política criada conhecida como a questão de West Lothian, na qual os MPs (membros do Parlamento) da Irlanda do Norte, País de Gales e Escócia puderam votar nas questões que afetam apenas a Inglaterra, enquanto os MPs da Inglaterra puderam não pôde votar nas questões da Irlanda do Norte, País de Gales e Escócia devido à devolução.
      • A Grande Londres também tem uma posição de poder delegado.
      • Em termos de governança, a Inglaterra está dividida nas seguintes regiões:
        • As nove regiões de escritórios governamentais
        • Os condados metropolitanos e não metropolitanos, que são as áreas de autoridade local
        • Os condados cerimoniais ou geográficos

        25. Fatos sobre a cultura da Inglaterra

        • A cultura da Inglaterra significa os comportamentos sociais, normas e tradições distintas do povo inglês.
        • Às vezes é difícil diferenciar a cultura inglesa de toda a cultura do Reino Unido.
        • No entanto, a cultura da Inglaterra tem algumas características únicas de outras partes do Reino Unido desde os períodos anglo-saxões.
        • A cultura da Inglaterra compreende suas artes, arquitetura, línguas, artigos de vestuário, culinária, folclores, literatura, música, artes cênicas, esportes, filosofia, símbolos e rituais religiosos e celebrações únicas.

        26. Fatos sobre a Inglaterra Food

        • O assado de domingo, o peixe com batatas fritas e os assados ​​são as comidas inglesas mais famosas.
        • A tarte de maçã é uma cozinha tradicional inglesa consumida desde a Idade Média.
        • Foi o inglês Josep Fry quem inventou o primeiro chocolate sólido do mundo na década de 1850.
        • O humilde sanduíche, que é a comida de conveniência mais consumível do mundo, foi batizado em homenagem a um nobre inglês John Montagu que era o 4º conde de Sandwich. Ele tinha uma paixão tão grande pelo jogo que certa noite na mesa de jogo mandou colocar uma cobra de boi simplesmente entre as duas fatias de pão, para não interromper o jogo.
        • No século 19, o sorvete era tão popular em Londres que grandes paredes de gelo foram cavadas na cidade e o gelo foi importado de outros países para preenchê-las.

        27. Fatos sobre Londres, Inglaterra

        • Londres é a capital e maior cidade da Inglaterra e do Reino Unido.
        • Londres também é a maior cidade do Reino Unido, com uma população de 8,136 milhões (de acordo com o censo de 2011).
        • Big Ben, um dos destinos turísticos mais populares de Londres, não é o nome da torre, mas na verdade é o nome de um sino dentro da torre.
        • Em Londres, cerca de 300 idiomas são falados, incluindo panjabi, urdu e bengali.
        • Romanos foram as primeiras pessoas que habitaram Londres.
        • O Millennium Dome, também chamado apenas de The Dome, é a maior estrutura desse tipo no mundo.
        • Londres é a primeira cidade do mundo que sediou as Olimpíadas três vezes em 1908, 1948, 2012.
        • O Zoológico de Londres foi o primeiro zoológico público do mundo inaugurado em 1829.

        28. Coisas Famosas na Inglaterra - Pelo Que É Conhecida a Inglaterra

        • A Inglaterra é famosa por muitas coisas, algumas das quais são
          • Longa historia
          • família real
          • Celebridades
          • Pubs
          • Locais históricos e castelos
          • Institutos educacionais
          • Esportes
          • Música
          • Clima

          29. Fatos estranhos sobre a Inglaterra

          • Ao longo de sua história, o Império Britânico invadiu todos os países do mundo, exceto 22.
          • A Inglaterra é o único país do mundo em que os selos não têm nome.
          • Na Inglaterra, colocar um selo postal com a cabeça da Rainha de cabeça para baixo em um envelope é considerado um ato de traição.
          • A rainha é a proprietária de todas as baleias nas águas vizinhas do Reino Unido.
          • O primeiro dicionário telefônico da Inglaterra foi publicado em 1880 com apenas 248 nomes e endereços.

          30. Fatos interessantes sobre a Inglaterra - Curiosidades sobre a Inglaterra

          • Em 1519, a cidade de Winchester foi escolhida como capital da Inglaterra.
          • Após o início da revolução industrial em quase 1760, a primeira nação que se industrializou foi a Inglaterra.
          • A distância entre a Inglaterra e a França é de apenas 50,45 km e ambos os países estão conectados por um túnel subaquático.
          • Foi o cientista inglês Tim Berners-Lee, que inventou a World Wide Web (WWW) da internet.
          • William Shakespeare foi o autor inglês mais dominante que escreveu Romeu e Julieta e outros clássicos populares.
          • O Lago Windermere é o maior lago da Inglaterra, com uma área de 14,73 km².
          • O Castelo de Windsor é a residência real mais antiga do mundo ainda habitada pelos proprietários.
          • A cidade de Leeds, na Inglaterra, é uma das cidades mais chuvosas da Europa.

          31. Vídeo de fatos sobre a Inglaterra para crianças


          A Rainha realmente envia um cartão no seu 100º aniversário? Teste seus conhecimentos sobre o Reino Unido com estes 10 fatos sobre a Grã-Bretanha. SkyFlok oferece atualmente 4 locais de nuvem seguros no Reino Unido para nossos clientes e a conveniência # 8217.

          1. O sistema de transporte de Londres pode ser maior do que você pensa

          Londres tem um dos sistemas de transporte mais antigos do mundo & # 8211 e também um dos maiores. As 270 estações do metrô de Londres em funcionamento possuem mais de 400 escadas rolantes (a mais longa é em Angel, no norte de Londres), mas há outras 40 estações que não são mais usadas - e isso antes mesmo de mencionarmos os famosos ônibus vermelhos.

          2. Stonehenge é mais antigo que as pirâmides

          Isso mesmo, localizado no sul da Inglaterra e uma das atrações turísticas mais famosas do Reino Unido & # 8211 Stonehenge foi criado por volta de 3000 AC, o que significa que é mais antigo que as pirâmides do Egito.

          3. A Rainha pode desejar a você um feliz aniversário

          Você deve ter ouvido falar de pessoas que completam 100 anos recebendo um telegrama da Rainha. Nos dias modernos, é na verdade um cartão personalizado e não está limitado apenas ao seu centésimo aniversário & # 8211, você também pode solicitar um para o seu 105º aniversário & # 8211 e para cada aniversário após completar 105 anos.

          4. A Rainha não tem passaporte

          A Rainha Elizabeth II visitou mais de 100 países em funções oficiais & # 8211, mas surpreendentemente, ela não precisa ter passaporte. Isso ocorre porque os passaportes britânicos são emitidos em nome da Rainha.

          5. A Grã-Bretanha não é o Reino Unido

          Isso é comumente equivocado, mas a Grã-Bretanha e o Reino Unido são, na verdade, duas coisas diferentes. O Reino Unido inclui a Irlanda do Norte e # 8211, mas a Grã-Bretanha não.

          6. Londres tem a maior biblioteca do mundo

          A imponente Biblioteca Britânica em King & # 8217s Cross, Londres, tem mais de 170 milhões de itens em seu catálogo.

          7. O golfe é o esporte nacional da Escócia

          O esporte foi inventado em St. Andrews no século 15. Em 1457, foi proibido pelo rei Jaime II porque estava interrompendo a prática do arco e flecha. A Escócia ainda possui os melhores cursos de ‘links’ do mundo.

          8. A Escócia também tem um monstro famoso

          O Monstro de Loch Ness (conhecido carinhosamente como ‘Nessie’) supostamente mora em Loch Ness & # 8211, o maior lago do Reino Unido. Embora essa criatura seja obviamente mitológica, muitas pessoas afirmam tê-la avistado nas últimas décadas.

          9. Os casamentos reais são feriados públicos

          O Reino Unido adora uma boa cerimônia e certamente valoriza os casamentos reais. O evento principal mais recente ocorreu em 2011, quando o Príncipe William se casou com Catherine Middleton. O dia do casamento foi declarado feriado nacional, o que significava um dia extra de folga do trabalho.

          10. Línguas antigas ainda são faladas & # 8211 embora não amplamente

          O Reino Unido tem quatro línguas celtas sobreviventes que ainda são oficialmente reconhecidas nos dias modernos. Estes são o gaélico escocês, o gaélico irlandês, o galês e o bretão.


          Geografia do Reino Unido:

          • O Reino Unido é um grupo de ilhas localizadas a noroeste da Europa continental.
          • Eles são separados da França pelo Canal da Mancha.
          • A Inglaterra é responsável por pouco mais da metade da área total do Reino Unido.
          • A maior parte do norte e oeste do Reino Unido é coberta por cadeias de montanhas separadas por vales profundos. Em contraste, o sul da Inglaterra é principalmente formado por colinas onduladas.
          • Há uma grande variedade de paisagens e uma variedade de habitats para animais e plantas se desenvolverem. Isso inclui montanhas escarpadas, vários lagos, penhascos altos, pântanos, praias e bosques.

          Conteúdo

          A área total do Reino Unido de acordo com o Office for National Statistics é de 248.532 quilômetros quadrados (95.960 sq mi), compreendendo a ilha da Grã-Bretanha, o nordeste um sexto da ilha da Irlanda (Irlanda do Norte) e muitas ilhas menores. Isso o torna o 7º maior país insular do mundo. [2] A Inglaterra é o maior país do Reino Unido, com 132.938 quilômetros quadrados (51.330 sq mi), respondendo por pouco mais da metade da área total do Reino Unido. A Escócia, com 80.239 quilômetros quadrados (30.980 sq mi), é a segunda maior, respondendo por cerca de um terço da área do Reino Unido. País de Gales e Irlanda do Norte são muito menores, cobrindo 21.225 e 14.130 quilômetros quadrados (8.200 e 5.460 sq mi), respectivamente. [5]

          A área dos países do Reino Unido é apresentada na tabela abaixo. As informações sobre a região da Inglaterra, o maior país, também são divididas por região.

          23.837 km 2
          19.120 km 2
          19.096 km 2
          15.627 km 2
          15.420 km 2
          14.165 km 2
          12.998 km 2
          8.592 km 2
          1.572 km 2

          O Território Antártico Britânico, que cobre uma área de 1.709.400 km 2, é geograficamente o maior dos Territórios Britânicos Ultramarinos, seguido pelas Ilhas Malvinas, que cobre uma área de 12.173 km 2. Os doze territórios ultramarinos restantes cobrem uma área de 5.997 km 2.

          Outros países com áreas terrestres muito semelhantes ao Reino Unido incluem Guiné (um pouco maior), Uganda, Gana e Romênia (todos um pouco menores). O Reino Unido é o 80º maior país do mundo em área terrestre e o 10º maior da Europa (se a Rússia europeia for incluída).

          A geografia física do Reino Unido varia muito. A Inglaterra consiste principalmente em terrenos de planície, com terrenos de planalto ou montanhosos encontrados apenas a noroeste da linha Tees-Exe. As áreas de planalto incluem Lake District, Pennines, North York Moors, Exmoor e Dartmoor. As áreas de planície são normalmente atravessadas por cadeias de colinas baixas, frequentemente compostas de giz, e planícies planas. A Escócia é o país mais montanhoso do Reino Unido e sua geografia física se distingue pela Highland Boundary Fault que atravessa o continente escocês de Helensburgh a Stonehaven. A linha de falha separa as duas regiões distintamente diferentes das Terras Altas ao norte e oeste, e das Terras Baixas ao sul e ao leste. As Terras Altas são predominantemente montanhosas, contendo a maior parte da paisagem montanhosa da Escócia, enquanto as Terras Baixas contêm terras mais planas, especialmente através das Terras Baixas Centrais, com planaltos e terrenos montanhosos localizados nas Terras Altas do Sul. O País de Gales é principalmente montanhoso, embora o sul do País de Gales seja menos montanhoso do que o norte e o meio do País de Gales. A Irlanda do Norte consiste principalmente em uma paisagem montanhosa e sua geografia inclui as montanhas Mourne e também o Lough Neagh, com 388 quilômetros quadrados (150 sq mi), o maior corpo de água do Reino Unido. [12]

          A geomorfologia geral do Reino Unido foi moldada por uma combinação de forças, incluindo a tectônica e as mudanças climáticas, em particular a glaciação nas áreas norte e oeste.

          A montanha mais alta do Reino Unido (e das Ilhas Britânicas) é Ben Nevis, nas Montanhas Grampian, na Escócia. O rio mais longo é o rio Severn, que flui do País de Gales para a Inglaterra. O maior lago em área de superfície é o Lough Neagh na Irlanda do Norte, embora o Loch Ness da Escócia tenha o maior volume.

          Edição de Geografia Física

          A geologia do Reino Unido é complexa e diversa, como resultado de estar sujeita a uma variedade de processos de placas tectônicas por um período de tempo muito extenso. A alteração dos níveis de latitude e do mar têm sido fatores importantes na natureza das sequências sedimentares, enquanto as sucessivas colisões continentais afetaram sua estrutura geológica com grandes falhas e dobras sendo um legado de cada orogenia (período de construção de montanha), frequentemente associado à atividade vulcânica e a metamorfismo de sequências de rock existentes. Como resultado dessa história geológica agitada, o Reino Unido mostra uma rica variedade de paisagens. [13]

          Edição Pré-cambriana

          As rochas mais antigas nas Ilhas Britânicas são os gnaisse Lewisian, rochas metamórficas encontradas no extremo noroeste da Escócia e nas Hébridas (com alguns pequenos afloramentos em outros lugares), que datam de pelo menos 2.700 Ma (Ma = milhões de anos atrás) . O sul e o leste dos gnaisses são uma mistura complexa de rochas que formam as Terras Altas do Noroeste e as Terras Altas de Grampian na Escócia. Estes são essencialmente os restos de rochas sedimentares dobradas que foram depositadas entre 1.000 Ma e 670 Ma sobre o gnaisse no que era então o fundo do Oceano Jápeto.

          Edição Paleozóica

          Em 520 Ma, o que hoje é a Grã-Bretanha foi dividido entre dois continentes; o norte da Escócia estava localizado no continente de Laurentia a cerca de 20 ° ao sul do equador, enquanto o resto do país estava no continente de Gondwana perto do Círculo Antártico . Em Gondwana, a Inglaterra e o País de Gales estavam em grande parte submersos em um mar raso repleto de ilhas vulcânicas. Os vestígios dessas ilhas são a base de grande parte do centro da Inglaterra, com pequenos afloramentos visíveis em muitos lugares.

          Cerca de 500 Ma ao sul da Grã-Bretanha, a costa leste da América do Norte e o sudeste de Newfoundland se separaram de Gondwana para formar o continente de Avalônia, que por volta de 440 Ma havia se deslocado para cerca de 30 ° ao sul. Durante este período, o norte do País de Gales estava sujeito à atividade vulcânica. Os vestígios destes vulcões ainda são visíveis, um exemplo dos quais é Rhobell Fawr datado de 510 Ma. Grandes quantidades de lava vulcânica e cinzas conhecidas como Borrowdale Volcanics cobriram o Lake District e isso ainda pode ser visto na forma de montanhas como Helvellyn e Scafell Pike.

          Entre 425 e 400 Ma, Avalonia uniu-se ao continente da Báltica, e a massa de terra combinada colidiu com Laurentia a cerca de 20 ° ao sul, unindo as metades sul e norte da Grã-Bretanha. A orogênese caledoniana resultante produziu uma cordilheira de estilo alpino em grande parte do norte e oeste da Grã-Bretanha.

          A colisão entre continentes continuou durante o período Devoniano, produzindo soerguimento e subsequente erosão, resultando na deposição de numerosas camadas de rochas sedimentares nas planícies e mares. O Old Red Sandstone e os sedimentos vulcânicos e marinhos contemporâneos encontrados em Devon se originaram desses processos.

          Cerca de 360 ​​Ma a Grã-Bretanha estava situada no equador, coberta pelas águas rasas e quentes do oceano Rheic, durante a qual o calcário carbonífero foi depositado, como encontrado nas colinas Mendip e no Peak District de Derbyshire. Posteriormente, deltas de rios se formaram e os sedimentos depositados foram colonizados por pântanos e floresta tropical. Foi nesse ambiente que as Medidas de Carvão foram formadas, a fonte da maioria das extensas reservas de carvão da Grã-Bretanha.

          Por volta de 280 Ma ocorreu o período de construção da montanha de orogenia Variscana, novamente devido à colisão das placas continentais, causando grande deformação no sudoeste da Inglaterra. A região geral da dobra variscana ficava ao sul de uma linha leste-oeste, aproximadamente do sul de Pembrokeshire a Kent. No final deste período, o granito foi formado sob as rochas sobrejacentes de Devon e Cornwall, agora expostas em Dartmoor e Bodmin Moor.

          No final do período Carbonífero, os vários continentes da Terra haviam se fundido para formar o supercontinente de Pangéia. A Grã-Bretanha estava localizada no interior da Pangéia, onde estava sujeita a um clima desértico árido e quente, com inundações frequentes que deixavam depósitos que formavam camadas de rocha sedimentar vermelha.

          Edição Mesozóica

          À medida que Pangéia derivou durante o Triássico, a Grã-Bretanha se afastou do equador até estar entre 20 ° e 30 ° ao norte. Os remanescentes das terras altas Variscan na França ao sul foram erodidos, resultando em camadas do Novo Arenito Vermelho sendo depositadas em toda a Inglaterra central.

          Pangea começou a se fragmentar no início do período jurássico. O nível do mar subiu e a Grã-Bretanha flutuou na placa euro-asiática para entre 31 ° e 40 ° ao norte. Grande parte da Grã-Bretanha estava submersa novamente, e rochas sedimentares foram depositadas e agora podem ser encontradas subjacentes a grande parte da Inglaterra, desde as colinas de Cleveland em Yorkshire até a costa do Jurássico em Dorset. Isso inclui arenitos, greensands, calcário oolítico de Cotswold Hills, calcário coraliano do Vale do Cavalo Branco e a Ilha de Portland. O enterro de algas e bactérias abaixo da lama do fundo do mar durante este período resultou na formação de petróleo e gás natural do Mar do Norte

          Com a formação dos continentes modernos, o Cretáceo viu a formação do Oceano Atlântico, separando gradualmente o norte da Escócia da América do Norte. O terreno passou por uma série de elevações para formar uma planície fértil. Após cerca de 20 milhões de anos, os mares começaram a inundar a terra novamente até que grande parte da Grã-Bretanha estava novamente abaixo do mar, embora os níveis do mar mudassem com frequência. Giz e pederneira foram depositados em grande parte da Grã-Bretanha, agora notavelmente exposto nos penhascos brancos de Dover e nas Sete Irmãs, e também formando a planície de Salisbury.

          Edição Cenozóica

          Entre 63 e 52 Ma, formaram-se as últimas rochas vulcânicas da Grã-Bretanha. As principais erupções dessa época produziram o Planalto de Antrim, as colunas basálticas da Calçada do Gigante e da Ilha Lundy no Canal de Bristol.

          A Orogenia Alpina que ocorreu na Europa por volta de 50 Ma, foi responsável pelo dobramento de estratos no sul da Inglaterra, produzindo o sinclinal da Bacia de Londres, a Anticline Weald-Artois ao sul, North Downs, South Downs e Chiltern Hills.

          Durante o período em que o Mar do Norte se formou, a Grã-Bretanha foi exaltada. Parte dessa elevação ocorreu ao longo de antigas linhas de fraqueza deixadas pelos orogênios Caledonianos e Variscanos muito antes. As áreas elevadas foram então erodidas e outros sedimentos, como o London Clay, foram depositados no sul da Inglaterra.

          As principais mudanças durante os últimos 2 milhões de anos foram provocadas por várias eras glaciais recentes. A mais severa foi a Glaciação Angliana, com gelo de até 1.000 m (3.300 pés) de espessura que alcançou o sul até Londres e Bristol. Isso ocorreu entre cerca de 478.000 a 424.000 anos atrás e foi responsável pelo desvio do rio Tamisa para seu curso atual. Durante a glaciação Devensiana mais recente, que terminou há meros 10.000 anos, a folha de gelo alcançou o sul de Wolverhampton e Cardiff. Entre as características deixadas pelo gelo estão os fiordes da costa oeste da Escócia, os vales em forma de U do Lake District e as erráticas (blocos de rocha) que foram transportados da região de Oslo na Noruega e depositados na costa de Yorkshire.

          Amongst the most significant geological features created during the last twelve thousand years are the peat deposits of Scotland, and of coastal and upland areas of England and Wales.

          At the present time Scotland is continuing to rise as a result of the weight of Devensian ice being lifted. Southern and eastern England is sinking, generally estimated at 1 mm (1/25 inch) per year, with the London area sinking at double the speed partly due to the continuing compaction of the recent clay deposits.

          Mountains and hills Edit

          The ten tallest mountains in the UK are all found in Scotland. The highest peaks in each part of the UK are:

          • Scotland: Ben Nevis, 1,345 metres
          • Wales: Snowdon (Snowdonia), 1,085 metres
          • England: Scafell Pike (Cumbrian Mountains), 978 metres
          • Northern Ireland: Slieve Donard (Mourne Mountains), 852 metres

          The ranges of mountains and hills in the UK include:

          • Scotland: Cairngorms, Scottish Highlands, Southern Uplands, Grampian Mountains, Monadhliath Mountains, Ochil Hills, Campsie Fells, Cuillin
          • Wales: Brecon Beacons, Cambrian Mountains, Snowdonia, Black Mountains, Preseli Hills
          • England: Cheviot Hills, Chilterns, Cotswolds, Dartmoor, Lincolnshire Wolds, Exmoor, Lake District, Malvern Hills, Mendip Hills, North Downs, Peak District, Pennines, South Downs, Shropshire Hills, Yorkshire Wolds
          • Northern Ireland: Mourne Mountains, Antrim Plateau, Sperrin Mountains

          The lowest point of the UK is in the Fens of East Anglia, in England, parts of which lie up to 4 metres below sea level.

          Rivers and lakes Edit

          The longest river in the UK is the River Severn (220 mi 350 km) which flows through both Wales and England.

          The longest rivers in the UK contained wholly within each of its constituent nations are:

          • England: River Thames (215 mi 346 km)
          • Scotland: River Tay (117 mi 188 km)
          • N. Ireland: River Bann (76 mi 122 km)
          • Wales: River Tywi (64 mi 103 km)

          The largest lakes (by surface area) in the UK by country are:

          • N. Ireland: Lough Neagh (147.39 sq mi 381.7 km 2 )
          • Scotland: Loch Lomond (27.46 sq mi 71.1 km 2 )
          • England: Windermere (5.69 sq mi 14.7 km 2 )
          • Wales: Llyn Tegid (Bala Lake) (1.87 sq mi 4.8 km 2 )

          The deepest lake in the UK is Loch Morar with a maximum depth of 309 metres (Loch Ness is second at 228 metres deep). The deepest lake in England is Wastwater which achieves a depth of 79 metres (259 feet).

          Loch Ness is the UK's largest lake in terms of volume.

          Artificial waterways Edit

          As a result of its industrial history, the United Kingdom has an extensive system of canals, mostly built in the early years of the Industrial Revolution, before the rise of competition from the railways. The United Kingdom also has numerous dams and reservoirs to store water for drinking and industry. The generation of hydroelectric power is rather limited, supplying less than 2% of British electricity, mainly from the Scottish Highlands.

          Coastline Edit

          The UK has a coastline which measures about 12,429 km. [14] The heavy indentation of the coastline helps to ensure that no location is more than 125 km from tidal waters.

          The UK claims jurisdiction over the continental shelf, as defined in continental shelf orders or in accordance with agreed upon boundaries, an exclusive fishing zone of 200 nmi (370.4 km 230.2 mi), and territorial sea of 12 nmi (22.2 km 13.8 mi).

          The UK has an Exclusive Economic Zone of 773,676 km 2 (298,718 sq mi) in Europe. However, if all crown dependencies and overseas territories are included then the total EEZ is 6,805,586 km 2 (2,627,651 sq mi) which is the 6th largest in the world.

          Inlets Edit

          Headlands Edit

          The geology of the United Kingdom is such that there are many headlands along its coast. A list of headlands of the United Kingdom details many of them.

          Islands Edit

          In total, it is estimated that the UK is made up of over one thousand small islands, the majority located off the north and west coasts of Scotland. About 130 of these are inhabited according to the 2001 Census.

          The largest island in the UK is Great Britain. The largest islands by constituent country are Lewis and Harris in Scotland (841 square mi), Wales' Anglesey (276 square mi), the Isle of Wight in England (147.09 square mi), and Rathlin Island in Northern Ireland (roughly 6 square mi)

          Edição de clima

          The climate of the UK is generally temperate, although significant local variation occurs, particularly as a result of altitude and distance from the coast. In general the south of the country is warmer than the north, and the west wetter than the east. Due to the warming influence of the Gulf Stream, the UK is significantly warmer than some other locations at a similar latitude, such as Newfoundland.

          The prevailing winds are southwesterly, from the North Atlantic Current. More than 50% of the days are overcast. [15] There are few natural hazards, although there can be strong winds and floods, especially in winter.

          Average annual rainfall varies from over 3,000 mm (118.1 in) in the Scottish Highlands down to 553 mm (21.8 in) in Cambridge. The county of Essex is one of the driest in the UK, with an average annual rainfall of around 600 mm (23.6 in), although it typically rains on over 100 days per year. In some years rainfall in Essex can be below 450 mm (17.7 in), less than the average annual rainfall in Jerusalem and Beirut.

          The highest temperature recorded in the UK was 38.7 °C (101.7 °F) at the Cambridge University Botanic Garden in Cambridge, on 25 July 2019. [16] The lowest was −27.2 °C (−17.0 °F) recorded at Braemar in the Grampian Mountains, Scotland, on 11 February 1895 and 10 January 1982 and Altnaharra, also in Scotland, on 30 December 1995.


          Conteúdo

          The "UK" is an abbreviation of United Kingdom, which derives from when its Kingdom had been United.

          Species of humans have lived in Britain, for almost a million years. The occupation was not continuous, probably because the climate was too extreme at times for people to live there.

          Archaeological remains show that the first group of modern people to live in the British Isles were hunter-gatherers after the last ice age ended. [16] The date is not known: perhaps as early as 8000BC but certainly by 5000BC. They built mesolithic wood and stone monuments. Stonehenge was built between 3000 and 1600BC. [17] Celtic tribes arrived from mainland Europe. Britain was a changing collection of tribal areas, with no overall leader. Julius Caesar tried to invade (take over) the island in 55BC but was not able to do so. The Romans successfully invaded in 43DE ANÚNCIOS. [18]

          Written history began in Britain when writing was brought to Britain by the Romans. Rome ruled in Britain from 44DE ANÚNCIOS to 410DE ANÚNCIOS. They ruled the southern two-thirds of Great Britain. The Romans never took over Ireland and never fully controlled Caledonia, the land north of the valleys of the River Forth and River Clyde. Their northern border varied from time to time, and was marked sometimes at Hadrian's Wall (in modern England), sometimes at the Antonine Wall (in modern Scotland).

          After the Romans, waves of immigrants came to Britain. Some were German tribes: the Angles, Saxons and Jutes. Others were Celts, like the Scoti, who came to Great Britain from Ireland. English and Scots are Germanic languages. They developed from Old English, the language spoken by the Anglo-Saxons of Anglo-Saxon England, an area stretching from the River Forth to the River Tamar.

          Idade Média Editar

          A later wave of immigration was that of the Vikings, during the Early Middle Ages' Viking Age. During the Viking invasion of Britain, they set up their own kingdom in north-western England, which the Anglo-Saxons named the "Danelaw", after the Danes who lived there and controlled the land. Vikings from Scandinavia also controlled most of the islands which are now part of Scotland, including the Outer Hebrides, the Inner Hebrides, and the Northern Isles (the Shetland Islands and the Orkney Islands).

          After a long period when Anglo-Saxon England was split into various kingdoms, it was made into one kingdom by Æthelstan (Athelstan) in 945DE ANÚNCIOS. In the 13th century, the lands of Wales were unified by force with England by the wars of Edward I of England ("Edward Longshanks").

          Early Modern history Edit

          Union of the Crowns Edit

          There were hundreds of years of fighting between both kingdoms of Great Britain. In 1603, when Queen Elizabeth I of England died, her closest relative was King James VI of Scotland. He became king of England and Ireland as well as king of Scotland. The kingdoms of England, Ireland, and Scotland had the same monarch ever since. James VI and I was the first to be named "King of Great Britain", and he ordered the design of the Union Jack. The Union Jack has been the British national flag ever since.

          Union of 1707 Edit

          In 1707, the Parliaments of England and Scotland agreed the Treaty of Union, which joined the two countries into one country called the United Kingdom of Great Britain under Queen Anne with the Acts of Union 1707. This union merged Scotland and England into one kingdom. England and Scotland kept their own laws, with English law in England and Wales and Scots law in Scotland. The division between the Church of Scotland and the Church of England continued. Ireland and Great Britain continued to have the same king, but Ireland did not become part of the new kingdom in 1707.

          Modern history Edit

          Union of 1801 Edit

          Scotland and England had already independently had much influence over Ireland since 1200. In 1800 laws were passed in the parliaments of Great Britain and Ireland to merge the two kingdoms and their two parliaments. The country was then called the United Kingdom of Great Britain and Ireland. The Union Jack was changed so that the flag of Saint Patrick (a red saltire) shows Ireland to be a part of the country.

          In 1922 much of Ireland became independent from the United Kingdom as the Irish Free State (now called Ireland). However, six northern counties (called Northern Ireland) are part of the United Kingdom. The country was renamed the United Kingdom of Great Britain and Northern Ireland in 1927.

          The new Parliament of Northern Ireland set up in the 1920s stopped working in the 1970s, because of The Troubles. However, devolution started again with the Northern Ireland Assembly after the Belfast Agreement (the "Good Friday Agreement") in 1998. Devolution in Scotland and Wales started the Scottish Parliament and the Welsh Parliament the same year.

          The UK is north-west off the coast of mainland Europe. Around the UK are the North Sea, the English Channel and the Atlantic Ocean. The UK also rules, usually indirectly, a number of smaller places (mostly islands) around the world, which are known as British Overseas Territories. They were once part of the British Empire. Examples are Gibraltar (on the Iberian Peninsula next to the Strait of Gibraltar) and the Falkland Islands (in the south Atlantic Ocean).

          In the British Isles, the UK is made up of four different countries: Wales, England and Scotland and Northern Ireland. [19] [20] The capital city of Wales is Cardiff. The capital city of England is London. The capital city of Scotland is Edinburgh and the capital city of Northern Ireland is Belfast. Other large cities in the UK are Birmingham, Bristol, Manchester, Liverpool, Newcastle upon Tyne, Leeds, Sheffield, Glasgow, Southampton, Leicester, Coventry, Bradford and Nottingham.

          The physical geography of the UK varies greatly. England consists of mostly lowland terrain, with upland or mountainous terrain only found north-west of the River Tees-River Exe line. The upland areas include the Lake District, the Pennines, the North York Moors, Exmoor, and Dartmoor. The lowland areas are typically traversed by ranges of low hills, frequently composed of chalk, and flat plains. Scotland is the most mountainous country in the UK and its physical geography is distinguished by the Highland Boundary Fault which goes across the Scottish mainland from Helensburgh to Stonehaven. The Royal Observatory, Greenwich is the is the defining point of the Prime Meridian.

          The weather of the United Kingdom is changeable and unpredictable. Summers are moderately warm, winters are cool to cold. Rain falls throughout the year, and more on the west than the east because of its northerly latitude and the warm water from the Atlantic Ocean's Gulf Stream. The usually moderate prevailing winds from the Atlantic may be interrupted by Arctic air from the north-east or hot air from the Sahara.

          The United Kingdom is reducing greenhouse gas emissions. It has met some Kyoto Protocol targets. It has signed the Paris Agreement. The British government want the UK to be carbon neutral by the year 2050. [21]

          The United Kingdom is a parliamentary democracy based on a constitutional monarchy. The people of the United Kingdom vote for a members of Parliament to speak for them and to make laws for them. Queen Elizabeth II is the Queen of the United Kingdom of Great Britain and Northern Ireland and is the head of state. The government, led by the Prime Minister, governs the country and appoints cabinet ministers. Today, the Prime Minister is Boris Johnson, who is the leader of the centre-right Conservative Party.

          Parliament is where laws are made. It has three parts: the House of Commons, the House of Lords, and the Queen. The House of Commons is the most powerful part. It is where Members of Parliament sit. The Prime Minister sits here as well, because they are a Member of Parliament.

          Scotland has its own devolved Parliament with power to make laws on things like education, health and Scottish law. Northern Ireland and Wales have their own devolved legislatures which have some powers but less than the Scottish parliament. The Parliament of the United Kingdom is sovereign and it could end the devolved administrations at any time. The UK is a unitary state and not a federation of states.

          Parliament Edit

          The Parliament of the United Kingdom is the legislature, the political assembly that makes laws and decides tax. The British people are represented by members of parliament (MPs) in the House of Commons of the United Kingdom. MPs are chosen in elections. The MPs in the House of Commons decide who will be the Prime Minister of the United Kingdom. The prime minister decides who will be in the British Government (Her Majesty's Government). The government is not controlled by the king or queen, but by Parliament. In Britain, Parliament is made up of the House of Commons and the House of Lords.

          Unlike the House of Commons, the people in the House of Lords are not elected. The people who sit in the House of Lords are called peers. Most peers are appointed by the government. There are some who are hereditary peers (who inherit their peerages from ancestors or other family members). Certain bishops in the established Church of England also attend the House of Lords. (The Church of England is the national church in England. The Church of Scotland does not have bishops, and neither Wales nor Northern Ireland have an established national church.) Together, the two houses make a bicameral legislature, in which the House of Commons has more power. In the past, the House of Lords had more power. Before the 20th century, the prime minister was often a member of the House of Lords. As the House of Lords lost its powers, as political reforms tried to improve democracy, the House of Commons became more powerful and the prime minister started always to be a member of the House of Commons.

          After the English Civil War during the Wars of the Three Kingdoms, Oliver Cromwell became Lord Protector, and the monarchy ended for a time. The British Isles were a republic, which Cromwell named the "Commonwealth of England, Scotland, and Ireland". Although the monarchy was restored after his death, the Crown slowly became the secondary power, and Parliament the first. Until the early twentieth century, only men who owned property could vote to choose MPs. In the nineteenth century, more people were given suffrage. In 1928, all men and women got the vote: this is called universal suffrage.

          Almost all members of Parliament belong to political parties. The biggest parties are the Conservative Party, Labour Party, the Scottish National Party and the Liberal Democrats. Members of the same party agree to work together. A party with more than half the seats (a majority) forms the government. The leader of the party becomes the prime minister, who then chooses the other ministers. Because the government has a majority in Parliament, it can normally control what laws are passed.

          The British parliament is in Westminster, in London, but it has power over the whole of the United Kingdom. Wales, Scotland and Northern Ireland each have their own parliaments as well, and these have more limited powers. (England does not have a separate parliament.) Scotland has the Scottish Parliament at Holyrood in Edinburgh. Wales has the Welsh Parliament in Cardiff. Northern Ireland has the Northern Ireland Assembly at Stormont in Belfast. There are also parliaments in the Isle of Man and in Jersey and Guernsey (the Channel Islands), which are all island states for which the UK has some responsibility in international law. Man, Jersey, and Guernsey are "crown dependencies". Some British Overseas Territories have their own legislatures.

          The United Kingdom has one of the most advanced militaries in the world, alongside such countries such as the USA and France, and operates a large navy (Royal Navy), a sizable army, (British Army) and an air force (Royal Air Force).

          From the 18th century to the early 20th century, the United Kingdom was one of the most powerful nations in the world, with a large and powerful navy (due to the fact it was surrounded by sea, so a large navy was the most practical option). This status has faded in recent times, but it remains a member of various military groups such as the UN Security Council and NATO. It is also still seen as a great military power.

          The United Kingdom is a developed country with the sixth largest economy in the world. It was a superpower during the 18th, 19th and early 20th century and was considered since the early 1800s to be the most powerful and influential nation in the world, in politics, economics (For it was the wealthiest country at the time.) and in military strength.

          Britain continued to be the biggest manufacturing economy in the world until 1908 and the largest economy until the 1920s. The economic cost of two world wars and the decline of the British Empire in the 1950s and 1960s reduced its leading role in global affairs. The United Kingdom has strong economic, cultural, military and political influence and is a nuclear power. The United Kingdom holds a permanent seat on the United Nations Security Council, and is a member of the G8, NATO, World Trade Organization and the Commonwealth of Nations. The City of London, in the capital, is famous as being the largest centre of finance in the world.

          William Shakespeare was an English playwright. He wrote plays in the late 16th century. Some of his plays were Romeu e Julieta e Macbeth. In the 19th century, Jane Austen and Charles Dickens were novelists. Twentieth century writers include the science fiction novelist H. G. Wells and J. R. R. Tolkien. The children's fantasy Harry Potter series was written by J. K. Rowling. Aldous Huxley was also from the United Kingdom.

          English language literature is written by authors from many countries. Eight people from the United Kingdom have won the Nobel Prize in Literature. Seamus Heaney is a writer who was born in Northern Ireland.

          Arthur Conan Doyle from Scotland wrote the Sherlock Holmes detective novels. He was from Edinburgh. The poet Dylan Thomas brought Welsh culture to international attention.

          The nature of education is a devolved matter in Scotland, Wales and Northern Ireland. They, and England, have separate, but similar, systems of education. They all have laws that a broad education is required from ages five to eighteen, except for in Scotland where school departure is allowed from the age of sixteen. Pupils attend state funded schools (academy schools, faith schools, grammar schools, city technology colleges, studio schools) and other children attend independent schools (known as public schools).

          There have been universities in Britain since the Middle Ages. The "ancient universities" started in this time and in the Renaissance. They are: the University of Oxford, the University of Cambridge, the University of St Andrews, the University of Glasgow, the University of Aberdeen, and the University of Edinburgh. These are the oldest universities in the English-speaking world.

          The University of Cambridge, the University of Oxford, and London universities (University College London, the London School of Economics, King's College London and Imperial College London) collectively form the Golden Triangle of universities in the south east of England. A broader group of twenty universities form the Russell Group of research universities.

          The BBC is an organisation in the United Kingdom. It broadcasts in the United Kingdom and other countries on television, radio and the Internet. The BBC also sells its programmes to other broadcasting companies around world. The organisation is run by a group of twelve governors who have been given the job by the Queen, on the advice of government ministers.

          Road traffic in the United Kingdom drives on the left hand side of the road (unlike the Americas and most of Europe), and the driver steers from the right hand side of the vehicle. The road network on the island of Great Britain is extensive, with most local and rural roads having evolved from Roman and Medieval times. Major routes developed in the mid 20th Century were made to the needs of the motor car. The high speed motorway (freeway) network was mostly constructed in the 1960s and 1970s and links together major towns and cities.

          The system of rail transport was invented in England and Wales, so the United Kingdom has the oldest railway network in the world. It was built mostly during the Victorian era. At the heart of the network are five long distance main lines which radiate from London to the major cities and secondary population centres with dense commuter networks within the regions. The newest part of the network connects London to the Channel Tunnel from St Pancras station. The British Rail network is part privatised, with privately owned train operating companies providing service along particular lines or regions, whilst the tracks, signals and stations are owned by a Government controlled company called Network Rail. In Northern Ireland the NI Railways is the national railway. The system of underground railways in London, known as the Tube, has been copied by many other cities.

          Most domestic air travel in the United Kingdom is between London and the major cities in Scotland and the North of England and Belfast. London-Heathrow is the nation’s largest airport and is one of the most important international hubs in the world. Other major airports with principal international service include London-Gatwick, Birmingham, Manchester and Glasgow. An extensive system of ferry networks operates.

          Major languages spoken in the United Kingdom other than English include Polish (500,000 approximate number of speakers in the United Kingdom), Eastern Panjabi or Punjabi (471,000), Bengali (400,000), Urdu (400,000), Cantonese (300,000), Greek (200,000), Southwestern Caribbean Creole English (170,000). [22]


          You’ll probably have read some of her books, too. J. K. Rowling, best known as the author of the Harry Potter series of books, has sold more than 400m copies in 55 languages around the world.

          The United Kingdom was the first country to use postage stamps. The first stamp was known as the Penny Black and was issued in May 1840. It’s not as cheap to send a letter as it once was, however – the price of a first-class stamp is now 65p, or a second class stamp is available for 56p.


          Big Ben is the official name of the bell, not the tower.

          One of the most important London facts you have to remember before you visit is that the iconic clock tower attached to the Palace of Westminster is not the Big Ben . The name Big Ben officially refers to the bell inside the tower, and not the tower itself. However, in more common usage, the name also extends to the tower. In the past, people referred to the tower as the “Clock Tower.” Its official name was then changed to “Elizabeth Tower” in 2012, marking the Diamond Jubilee of Queen Elizabeth II. Although it’s one of the most-visited tourist attractions in London, the interior of the Elizabeth Tower isn’t open to overseas visitors.

          Source: Pixabay


          Nation Facts .

          The United Kingdom is located on the continent of Europe, and includes England, Scotland, Wales and Northern Ireland. The country is a sovereign state whose capital is London. All of the United Kingdom has a population of 63.1 million people, while London is home to 8.1 million people. Great Britain (England, Scotland and Wales) is fully surrounded by water, with the Atlantic Ocean on its west, the North Sea on its north, the English Channel to the south and the Irish Sea to the west. The Irish Sea connects Great Britain to Northern Ireland. The flag of the United Kingdom is comprised of a white and red symmetric cross with an X behind the cross. Royal blue encompasses the background of the flag. The United Kingdom uses the pound sterling as their official currency through the entire country. There is no official religion in the country, but most people follow some form of Christianity. The official language of the country is English, with numerous different dialects spoken throughout the four countries.


          Assista o vídeo: Reino Unido: História, política e curiosidades - História Contada


Comentários:

  1. Tojakasa

    Muito bem, a ideia é maravilhosa e oportuna

  2. Felding

    Você está absolutamente certo. Há algo nisso e eu gosto da sua ideia. Eu proponho trazê -lo à tona para discussões gerais.

  3. Najora

    Lamento não poder participar da discussão agora. Eu não possuo a informação necessária. Mas com prazer vou assistir esse tema.

  4. Nakus

    Não posso participar agora da discussão - está muito ocupado. Mas em breve vou necessariamente escrever que acho.

  5. Faelrajas

    Certo! A ideia é ótima, eu concordo com você.

  6. Tabei

    Peço desculpas por não poder ajudar com nada. Espero que você ajude aqui. Não se desespere.



Escreve uma mensagem